sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Assembleia de Freguesia de Caldas de S. Jorge...

Foi uma das Assembleias mais curtas, que eu me lembro.

É de salientar que já se demitiram três elementos do Partido Futuro Já, e um elemento do Partido Socialista. Fica em nota a achega de um elemento da mesa, que mandou os partidos reflectirem, pois “em apenas um ano de junta já se demitiram quatro elementos”, o que é muito...Fica a nota.

Foi aprovado um voto de louvor à equipa que participou nos Municípios Sem Fronteiras.

Tendo também sido aprovado um voto de melhoras, ao ex. Presidente da Junta de Freguesia, Sr. José da Silva. (O Blog aproveita também a ocasião para subscrever este voto).

Pela primeira vez o presidente da Assembleia viu-se obrigado a usar o voto de qualidade, nomeadamente no ponto da alteração do regimento da Assembleia de Freguesia, em que o Partido Socialista votou favorável, o Partido Social-Democrata absteve-se e o Futuro Já votou contra. Em virtude do empate técnico o Presidente da Assembleia fez uso do voto de qualidade, optando por votar contra.

Quanto à intervenção do Público, só há a salientar a intervenção de Bettencourt, que só faltou responsabilizar Junta de freguesia, pela reprovação do projecto na zona do lavadouro da Sé, pelo parecer negativo dado à Câmara Municipal.

Sinal Mais:
- A entrada do Sr. Alcino para a Assembleia de Freguesia.

- A determinação do Presidente da Assembleia em usar o voto qualidade.

Sinal Menos:
- A falta de respostas do Presidente da Junta de Freguesia.

- A demissão de vários elementos da Assembleia de Freguesia.

52 comentários:

Anónimo disse...

Não admira que os elementos da assembleia se demitam, vocês aí nas caldas, parece é que andam a brincar às juntinhas, burucratas e faladores, conversa fiada, enquanto isso as freguesias mais atrasadas vão desemvolvendo e passam dizendo olá às caldas que pelo que parece pararam no tempo.
Reciclem-se e governem e deixem governar, ou melhor governem juntos porque mesmo assim já é uma tarefa dificil ...

LA disse...

O Presidente da Junta cada vez está mais sozinho. em menos de um ano, já trez elementos bateram com a porta.
já deu o que tinha a dar.

Anónimo disse...

Coloquem o "Fechadura" na junta. Não sei se fazia tantas asneiras como o actual mas....pode tentar.

TERMINHAS. disse...

NÃO SEI O QUE É QUE ESTÁ O PSD A FAZER NA ASSEMBLEIA DE FREGUESIA, MAIS VALIAM DIZER QUE SÃO APOIANTES DO MARTINS.
POIS NÃO FALAM.
NÃO EXPÕEM PROBLEMAS,
ESTÃO AUSENTES TODO O TEMPO, PARECEM EMPREGADOS DE SECRETARIA, SÓ SERVEM PARA ELABORAR ACTAS.
E JÁ AGORA, NÃO TENHO A MESMA OPINIÃO DO ADMINISTRADOR DO BLOG, O PRESIDENTE, AO VOTAR CONTRA A RECTIFICAÇÃO, DEMONSTROU QUE É O APOIANTE Nº1 DO MARTINS.

Anónimo disse...

Apoio o anónimo atrás e acrescento que o snr. administrador foi tendencioso,pois devia de dizer que as duas propostas foram apresentadas pelo P.S.É realmente desolador o comportamento do P.S.D.Se não fosse os elementos do P.S.as Assembleias davam início,amem e até á proxima.

Anónimo disse...

concordo na essência com o post.
apenas queria dizer que relativamente à minha intervenção sobre o projecto que referi na Assembleia de freguesia , o mesmo não se encontra reprovado. Decorre da Lei que o parecer da Junta de Freguesia não é , nestas questões , vinculativo .Por outro lado , ainda não obtivemos resposta da Câmara da Feira para que o possamos considerar reprovado.

O que me importou realçar com a minha intervenção , foi o sofisma e a forma leviana , com que o executivo da Junta , na pessoa do seu presidente emitiu o parecer a pedido da própria Câmara. Brevemente darei a conhecer neste mesmo blog ( se a sua Administração assim o entender ) as principais linhas orientadoras do projecto , para que os Caldenses possam por si mesmos avaliar os méritos ( ou deméritos ) do mesmo .

Sem mais.
Saudações cordiais

Bettencourt

Anónimo disse...

Os rapazes do PSD estão no lugar certo fazendo o que melhor sabem; MOÇOS DE RECADOS. Agora imaginem com outras funções!!!Ok!Pronto...concordo. Pior do que se tem feito é imposssivel.

Anónimo disse...

Os rapazes do PSD estão no lugar certo fazendo o que melhor sabem; MOÇOS DE RECADOS. Agora imaginem com outras funções!!!Ok!Pronto...concordo. Pior do que se tem feito é imposssivel.

LA disse...

Este Sr. Bettencourt, devia mostrar o projecto a toda a população, para que se podesse discutir públicamente.

JERVÁSIO disse...

Ficou demonstrado que o PSD, apoia os atropelos à lei, por parte do Presidente da Junta.
Tinha uma opinião muito diferente dos três elementos da mesa da Assembleia.
Fiquei triste com esta aliança, será que são estes que querem o Martins na Junta com as cores laranja.
Estaram estes Srs. a servir de moços do Imidio, que sempre desejou o Martins, com as cores do PSD.
Ficou clara esta aliança, PSD - Martins.

Anónimo disse...

O facto mais saliente no funcionamento da Assembleia é a ausência de respostas por parte do Presidente da Junta, mesmo a perguntas de alguma incomodidade, insinuando mesmo acusações e de que ele, não se defendendo, se mostra claramente comprometido. Por parte da Mesa, acho que deveria, pedagogicamente, "obrigar" o Presidente, ou os Vogais, a dar as respostas, sob pena de os eleitos da Assembleia estarem a fazer de "bonecos". E, dadas as funções e posição, a ofensa é maior para a Mesa e, direi, sobretudo para o Presidente da Mesa que tem, de resto, competências específicas e especiais.
Face às não respostas, será de perguntar aos integrantes da Assembleia, se não seria de juntar todas as perguntas não respondidas e perguntar a opinião da IGATT. É que pode andar por ali "gato escondido".
José Pinto da Silva

Anónimo disse...

Concordo plenamente consigo snr.Pinto,é uma vergonha o que se está a passar nas Assembleias de Freguesia de C. de S.Jorge.Há lá muito pano para mangas em elegalidades,penso que ainda não está na altura de estoirar a bomba.Calma.

Anónimo disse...

Os independentes ganharam a junta, o PSD colocou 3 fantoches na mesa da assembleia, a câmara por sua vêz maneja os fantoches, os restantes membros da assembleia fazem perguntas e não são exclarecidos, fazem-se atropelos à lei, gasta-se dinheiro de qualquer maneira e sem dar satisfações e o PSD apoia, chamam a isto uma junta...

Eu quero é ir para a ilha!!!!!

Nota: mas não é o ilha bar.

ms disse...

Caldas de S. Jorge é a Freguesia do concelho da Feira mais dividida. Não há união. Assim não evoluem. Há que apoiar as boas iniciativas e não estar sempre numa de "bota abaixo"! Só vejo aqui pseudo-politicos. Se fosse este fazia melhor... aquele não faz nada... Nunca estão bem com ninguém. Enfim... Entendam-se. Ainda bem que não vivo nas Caldas! :-)

Jervásio. disse...

deves ser o presidente da Assembleia, esse vive em Espinho.
Não sei como o Administrador deste Blog dá um sinal mais, ao presidente da Assembleia. Será que ele esteve na mesma Assembleia, onde imperou a anarquia, em que os elementos do PSD, não sabem o que é que lá estão a fazer.
A candidatura deles está provada que foi um frete ao PSD, porque capacidade não tem nenhuma, porque se tivesse, mandava encerrar a assambleia até ser reposta a legalidade, da mesma.

JONAS BLACK T disse...

Não fui à Assembleia de freguesia, mas sempre disse que "betinhos", não era compativel com governação.
São muito boas pessoas, para tomar uns copos, mas no que diz respeito a governar, isso é mais para quem tem capacidade politica.

Anónimo disse...

é isso malta esta a hora por todo andar...primeira escolha ....telmo ....segunda gito heroi da freguesia...terceiro ahhh vai o resto dos papagaios ,,cobardolas.aiii esta para frente...ja esta a caravana pronta ...vamos a luta....

AMM disse...

Não sou mas podia ser!!!
Já agora e para que conste, não sou candidato, não quero ser, e não tenho jeito nenhum para isso. Acho mesmo que não iam ficar bem servidos. Mas quanto ao direito de cidadania, de expressão, opinião, por muito que os fundamentalistas de politica queiram, não conseguem calar-me, talvez tenha um efeito contrário, conseguem fazer com que eu fale um pouco mais… Que se pode fazer! Cada cabeça sua sentença.

Anónimo disse...

MAIS NADA,

Anónimo disse...

Parece-nos a todos mais do que evidente que a actual Junta de Freguesia, enquanto orgão representativo de toda a população de Caldas de S. Jorge, não tem sabido conduzir, da forma mais exemplar, as diferentes sensibilidades com que, objectivamente, e sem margem para dúvidas, tem e terá de conviver.
Embora se denote uma inegável vontade em fazer obra (temos obrigação de reconhecer que tem proporcionado alguma coisa), a verdade é que o actual executivo demonstra ter muito pouco poder de encaixe e até de sensibilidade democrática. Parece-me óbvio que, mesmo não sendo obrigado a responder a tudo, ou a querer responder a tudo, pelo menos tinha o dever moral de o fazer. Afinal de contas, o grupo "Futuro Já" identificava-se como apartidário e como sendo a "voz do povo".
Mas não. Não o tem demonstrado.
Aliás, a prepotência e a arrogância do Senhor Presidente da Junta de Freguesia não se configura como um bom exemplo a seguir. Nem tão pouco reflecte a velha máxima de ""dizer a cara com a careta". Os membros da junta até sobem ao escadote, até montam barracas, até se "misturam com o povo" (talvez o povo que mais interessa???). Mas quando os eleitos democraticamnete para a assembleia o questionam (é para isso que lá estão) ele finge não ouvir. Isso é mau. Muito mau.
A freguesia está, cada vez mais, a perder a chama que outrora teve. Não existem personalidades em que o povo se reveja. A junta parece ser gerida como se fosse uma associação.
Para piorar a coisa, os membros eleitos pelo PSD resignam-se à sua própria insignificancia, comandados à distância por um telefonema da concelhia e com um unico objectivo: denegrir o PS. Vozes há por aí que anunciam uma candidatura fantoche do PSD para fazer ganhar o Sr Martins ou em alternativa, o Sr Martins ser o seu candidato (o tal independente demonstra ter essa vontade).
Por outro lado, o PS embora tente fazer o seu trabalho de oposição, tambem parece não ter um rumo actual, moderno e audaz. Embora com gente nova, a sua acção parece reflectir uma ardente vontade de vociferar contra tudo e contra todos, com tudo o que mexe.
A coisa está preta. Está mesmo muito preta.

Adamastor

Anónimo disse...

Concordo com o Adamastor!Já agora convém ccomeçar a desmarcarar as coisas:A Camara tirou o tapete ao Martins no caso da ilha e não permitiu que a junta liderasse o processo pois não reconhece capacidade para o semelhante!! Se o ilha for contruido, que eu duvido, é necessaário todos saberem que junta não tem nada a ver com a obra. O seu a seu dono.

Luis Amado disse...

O Adamastor, bateu mesmo no centro da questão.
A realidade, é que o Martins em apenas um ano, consegui-se desmascarar,é tão evidente, que a Câmara, depois do fracasso total da esplanada, vem retirar toda a confiança no Presidente da Junta. Isso é tão evidente que mais uma vez ele falhou na previsão da data para concurso público.

O que se passa, é que o Martins não passa de um "animador" sem nariz vermelho, dos jornais, que já é a anedota do ano, os prazos que o Martins dá para o Ilha.
Será que ninguem o cala!
É que a vergonha já passa a ser da freguesia, e não dele, que ao que parece não tem.

Faço aqui um pedido, ao Presidente da Junta, para se calar nos jornais, que cada vez que fala, ou entre mosca, ou sai asneira.

Se possivel, a freguesia paga o ordenadso, e o sr. demita-se. E consigo leve os três do PSD, que não estão lá a fazer nada.

Anónimo disse...

o coment das 19:45 tem o toque pessoal do Sr. A. T., MAS EM TODO O CASO DEVO-LHE A RAZÃO.

Anónimo disse...

...em suma :
a politica ganhou um mau elemento e a pichelaria perdeu um excelente profissional .
Lá diz o povo na sua sabedoria inquestionavel :
" mas quem te manda a ti sapateiro , tocar rabecão "

Anónimo disse...

Parabens Adamastor. Tocaste no serne da questão.
Para mim o Adamastor é socialista e vive agora em arcozelo, e chamasse P...

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
ADMINISTRADOR DO C.S.J. disse...

Questões do forro pessoal, e profissional, não são admitidos para debate, a não ser que seja de gravidade social. Peço encarecidamente, que evitem atacar pessoas, sejam elas públicas ou não, com justificações que nada dignificam o debate aberto do Blog.

JONAS BLACK T disse...

Está certo. Sr. Administrador, no entanto, no meu entender acho que podia dizer a verdade sobre o que acha mesmo do PSD, porque é visivel o embaraço, que estes três elementos lhe causam.
Tem de deixar essa costela partidária, e dizer que este PSD, nada tem a haver com o que as Caldas estavam habituadas.
Estes elementos não tem capacidade representativa, do partido nem pessoal, pois quem fala com eles sabem que não é isto que sentem.
O Alexandre até posso compreender, pois contra a Câmara não pode falar muito, mas os outros dois, o Vitor e o Zé, são pessoas que eu respeito, mas não entendo a razão de terem ficado sem opinião, são duas pessoas que estão mortas, de ideias, de carisma.
Só dá a entender que lá vão ao cheque de presença da Assembleia.

Para as pessoas entenderem, em quatro assembleias, estes elementos, questionaram o Presidente da Junta, cinco vezes. O que dá quase uma pergunta por Assembleia, sendo três elementos, fica menos de meia pergunta por Assembleia.

É muito pouco, para quem queria mudar muito.
Dizer que este partido é oposição??!! não é.

Já agora, quando a Teresa fazia parte da Assembleia, questionou mais a mesa da Presidencia da Junta, que o grupo do PSD.

Façam uma coisa, pelo menos não aceitem o cheque, ou melhor podem ficar porque no meu entender a Assembleia, não encontrava melhores empregados de escritório que o os três do PSD.

Fazem-me lembrar, os antigos datilógrafos do tribunal, só serviam para tomar notas, para a acta.

Alguem vê a diferença?

Anónimo disse...

TODOS FALAM QUE O ADMINISTRADOR É DO PSD. ISSO ATÉ PODE SER VERDADE, MAS ELE TEM UMA COSTELA PS.

VAMOS VER SE NAS PROXIMAS ELE APOIA ALGUM PARTIDO.

NAS ULTIMAS NÃO FEZ PARTE DE NENHUMA LIST, JÁ DEVIA ADVINHAR QUE TODAS ERAM MUITO MÁS.

LOL

Anónimo disse...

Se eu fosse da Assembleia, demitia-me.

Eleições antecipadas.

Nem que tenha de ser todos anos, até se acertar nas pessoas certas.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

O Blog do PS.
Olhando todos estes comentários, cada vez mais me convenço que este é de facto o blog do P.S. .

É de tal forma evidente, que como não conseguem atacar o executivo desta junta porque felizmente as obras vão aparecendo, hã então que atacar a personalidade do presidente da junta e também todos aqueles que não lhe fazem frente, como é o caso dos elementos do PSD.
E deixem-me dar os parabéns aos três elementos que representam o PSD, isto porque, estou totalmente convencido de que não hã pior mentalidade na politica do que aquela que só tenta destruir, sem haver aparente razão e sem a responsabilidade de colocar os interesses da freguesía em primeiro plano.
Claro que esta actitude é muito mais dificil do que a que tem tido o PS, de tudo e todos criticar. E por isso é que se sentem incomodados ao ponto de pegarem com tudo e com todos. Este é sem duvida o papel mais fácil, e também o menos responsável.

Transcrevo aqui excertos de alguns comentários que comprovam que quem não está com o PS é de facto elemento a eliminar e a criticar:

"ADMINISTRADOR DO BLOG, O PRESIDENTE, AO VOTAR CONTRA A RECTIFICAÇÃO, DEMONSTROU QUE É O APOIANTE Nº1 DO MARTINS."

"MOÇOS DE RECADOS"

""obrigar" o Presidente, ou os Vogais, a dar as respostas, sob pena de os eleitos da Assembleia estarem a fazer de "bonecos"."

".. se não seria de juntar todas as perguntas não respondidas e perguntar a opinião da IGATT. É que pode andar por ali "gato escondido"."

"Se o ilha for contruido, que eu duvido, é necessaário todos saberem que junta não tem nada a ver com a obra. O seu a seu dono."
(Digo eu, mas então por o acusam de não cumprir com os prazos?!)

"Isso é tão evidente que mais uma vez ele falhou na previsão da data para concurso público."
( Em que ficamos???)

"Se possivel, a freguesia paga o ordenadso, e o sr. demita-se. E consigo leve os três do PSD, que não estão lá a fazer nada."

"Sr. Administrador, no entanto, no meu entender acho que podia dizer a verdade sobre o que acha mesmo do PSD,"

"são pessoas que eu respeito, mas não entendo a razão de terem ficado sem opinião, são duas pessoas que estão mortas, de ideias, de carisma.
Só dá a entender que lá vão ao cheque de presença da Assembleia."

A que ponto chegou este partido da oposição!!
Valem-se de todos e de todas as formas para destruir. Pressionam-se todos aqueles que de alguma forma se interessam pela freguesia e deixam trabalhar quem foi mandatado para tal.
Recorrem a todos os meios de pressão ao ponto de tocar o ridiculo de levar assuntos de interesse na freguesia para jornais concelhios.

Como alguém comentava:
"
Não admira que os elementos da assembleia se demitam, vocês aí nas caldas, parece é que andam a brincar às juntinhas, burucratas e faladores, conversa fiada, enquanto isso as freguesias mais atrasadas vão desemvolvendo e passam dizendo olá às caldas que pelo que parece pararam no tempo.
Reciclem-se e governem e deixem governar, ou melhor governem juntos porque mesmo assim já é uma tarefa dificil ..."

Infelizmente como é descrito neste comentário esta é a mentalidade que vamos tendo por cá...
e enquanto não houver uma mudança e certas mentes, e os mais novos não conseguirem bater o pé a determinadas ideias e actitudes vindas sempre dos mesmos "velhos do restelo", mesmo dentro de cada partido,esta terra não cresce, não pode pogredir nem avançar.

Lamento

Anónimo disse...

Este comentário suscita uma só questão: Porquê o Senhor Presidente da Junta de Freguesia de Caldas de S. Jorge não dá resposta às perguntas que são formuladas ao abrigo do que dispõe a legislação? Dava as respostas, esclarecia as questões que aos eleitos parecem dúbias e tudo ficaria resolvido. Não havendo respostas, o que devem pensar os eleitos e os cidadãos?
O silêncio do Presidente alarga as dúvidas sobre possíveis (i)legalidades.

José Pinto da Silva

Anónimo disse...

O SR Pinto da Silva devia olhar para o seu passado e refletir sobre (i)legalidades.
Se gosta da nossa vila e do nosso viver,porque nao manda o seu filho cumprir a lei e fechar o bar as 2 horas para eu poder dormir.

Anónimo disse...

OLhar para o meu passado? O que é que as calças têm a ver com o que está chegado? O meu filho é maior e
é autónomo.
E porque há-de ser o meu filho e não qualquer dos outros sócios ou
todos eles? E há uns meses antes tudo funcionava na devida paz? Não era incomodado?
Resumo: Não é comigo. Terá que ir a outra capela.

José Pinto da Silva

Anónimo disse...

Ilegalidade, é o que este anónimo disse, até porque eu sei, que o estabelecimento que está em causa, tem licença até às 4 da manhã, e não duas.

Dizer barbaridades como as que disse, devia ter vergonha e pedir desculpa ao Sr. Pinto.
Mais quem deu essa autorização foi a Câmara com parcer positivo da Junta de Freguesia.

Luisa

Anónimo disse...

Tenha cuidado, que esta junta diz logo que vai obrigar a fechar o bar mais cedo, e ameaçar tudo e todos que lhe façam frente.
É assim que se trabalha, lá para os lados da dinastia Martins, que é parceiro Le Pen, e do Irão.
Istro ainda se vai germinar com freguesias do Irão. Com tanta democracia.

Anónimo disse...

O comentário das 21.34h. não é meu.

O Sr. coloca a questão sobre as não respostas do presidente da junta!
Eu faço-lhe perguntas em geito de resposta.
- As perguntas que lhe são colocadas, não estão elas carregadas de esquemas e de ironia por forma a não merecerem sequer resposta?
(Como exemplo: questionarem de que forma foi feito o calvário, de onde veio o dinheiro, dando a entender que houve "cambalacho" e que o presidente tem a ganhar com isso. O Sr. responderia a uma pergunta em forma de insulto? e mesmo que hipoteticamente tiveesse algo a ganhar, o que é que temos a vêr com isso se em nada prejudicar a freguesía. Aqui até é percisamente o contrário)

Outra questão é: Caso o presidente da junta lhes respondesse de forma mais superficial, não iriam logo dizer que não vai ao fundo da questão porque...

As questões quando colocadas têm como principio querer o melhor para a freguesia? A procura de alertar para pontos de verdadeiro interesse com o sentido de verdadeira correcção? Ou apenas a intenção do mexerico para ir dar enfase a possiveis partes negativas na governação?

Como vê, e digo eu, que por mais que se possa fazer, responder ou colaborar, caso do outro lado os olhos vejam sempre pelo mesmo prisma ou os ouvidos oiçam sempre com um mesmo sentido, não hã nada que baste para os contentar.

Lamento

Jervásio disse...

Como é que o Sr. diz??????
"mesmo que hipoteticamente tiveesse algo a ganhar, o que é que temos a vêr com isso se em nada prejudicar a freguesía" Se ele ganha, é porque teve que dar algo em troca, e nunca, mas mesmo nunca é a favor de quem perde, que neste caso é a freguesia.
Alem de ser uma ilegalidade, uma falta de moral, alguem hipotéticamente, que use o cargo, o estatuto para ganhar algo.
Esta opinião só pode ser de alguem que é do partido dele. e que hipotéticamente deve tambem ter ganho.

como explica a razão de não ter respondido aos custos do campo de futebol relvado??????
Pergunta muito simples, basta só dizer 500€, 600€, que mais simples pode ser isto???!!!

Outra pergunta muito simples que não foi respodida; Quanto a Junta gastou no chafariz de casaldoido?????!!!!
resposta de duas palabras.

não diga asneiras que possam prejudicar mais ainda o Presidente da Junta.
Isto hipotéticamente, claro.

Anónimo disse...

Meus amigos a realidade é que se a junta funcionar totalmente dentro da legalidade corre o risco de não fazer nada em benefício da terra, se arranja acordos com alguém e para benefício da terra à que aproveitar, porque se estivermos á espera dos lá debaixo estamos f....., isto é um bocado como as pequenas empresas se não fugirem um pouco ao fisco não têm lucros.
Por mais voltas que os sr's dêm a realidade é esta, o que interessa neste momento é o proveito para a terra, se o relvado do campo de futebol secou,...azar, podia ter vindo uma enxurrada e arrazado tudo, isto seria pior, se o calvário foi patrocinado por alguém, ao menos foi feita uma obra que se estivesse à espera do dinheiro da câmara tão cedo nem sequer começava.
Portanto está aqui um pequeno dilema...afinal o que que a oposição quer?...que não se faça nada, neste momento deve-se aproveitar tudo que seja para benefício da terra, quem o fizer simplesmente o fará à sua consciência, se o fizer bem feito melhor, mas o mais importante é que não esteja-mos "parados a ver a banda a passar", neste momento corre-mos sérios riscos disso acontecer a curto e medio prazo.
Deixem-se de brincadeiras e discutam coisas realmente sérias nas vossas assembleias.

Anónimo disse...

Meus amigos a realidade é que se a junta funcionar totalmente dentro da legalidade corre o risco de não fazer nada em benefício da terra, se arranja acordos com alguém e para benefício da terra à que aproveitar, porque se estivermos á espera dos lá debaixo estamos f....., isto é um bocado como as pequenas empresas se não fugirem um pouco ao fisco não têm lucros.
Por mais voltas que os sr's dêm a realidade é esta, o que interessa neste momento é o proveito para a terra, se o relvado do campo de futebol secou,...azar, podia ter vindo uma enxurrada e arrazado tudo, isto seria pior, se o calvário foi patrocinado por alguém, ao menos foi feita uma obra que se estivesse à espera do dinheiro da câmara tão cedo nem sequer começava.
Portanto está aqui um pequeno dilema...afinal o que que a oposição quer?...que não se faça nada, neste momento deve-se aproveitar tudo que seja para benefício da terra, quem o fizer simplesmente o fará à sua consciência, se o fizer bem feito melhor, mas o mais importante é que não esteja-mos "parados a ver a banda a passar", neste momento corre-mos sérios riscos disso acontecer a curto e medio prazo.
Deixem-se de brincadeiras e discutam coisas realmente sérias nas vossas assembleias.

Anónimo disse...

Eu acho em absoluto que não há nenhum inconveniente em fazer acordos com quem quer que seja para usufruir de bens que sejam úteis para a freguesia. Se, de cara erguida ou de joelhos se conseguiu que uma empresa tenha oferecido bens e serviços, isso é óptimo. O QUE NÃO PODE SER FEITO É EM SEGREDO. A população tem o direito de saber o que foi recebido e em que condições foi recebido. É costume dizer-se que não há almoços grátis. Mesmo que barato, queremos saber qual foi o preço. E não chega o dizer-se que as contas serão apresentadas mais tarde. Não se quer números exactos.
Bas que digam: foi.nos facultado isto em troca de alguma colaboração nisto ou naquilo, se foi o caso. Tem que ser a regra com tudo o que se recebe de donativos em numarário ou gêneros.

José Pinto da Silva

Anónimo disse...

O snr.anónimo das 17e10 ou não esteve na Assembleia de Freguesia ou o informaram mal pois ninguem da assembleia questionou o Presidente sobre o calvário.mas sim um elemento do Público.

Anónimo disse...

COM TANTOS PARASITAS NO ps NÃO A FRONTLINE QUE RESISTA

Anónimo disse...

o que tu queres sei eu!!!! esta terra ainda ha de ser grande. pelos menos á quantidade de pseudo politicos que tem!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anónimo disse...

Isto é realmente de uma hipocrisia !!

"Como é que o Sr. diz??????
"mesmo que hipoteticamente tiveesse algo a ganhar, o que é que temos a vêr com isso se em nada prejudicar a freguesía" Se ele ganha, é porque teve que dar algo em troca, e nunca, mas mesmo nunca é a favor de quem perde, que neste caso é a freguesia.
Alem de ser uma ilegalidade, uma falta de moral, alguem hipotéticamente, que use o cargo, o estatuto para ganhar algo.
Esta opinião só pode ser de alguem que é do partido dele. e que hipotéticamente deve tambem ter ganho."

O Sr. Jervásio deve ser daquelas pessoas que foi educado com a ideia de que só podemos ajudar os outros se tivermos algo em troca.!
Conhecerá o Sr. a palavra Solidariedade.
Deve ser daqueles que nesta freguesia nunca mexe uma palha em favor dos outros, em proveito dos outros e ainda por cima critica quem o faz. Sem não é assim peço desculpa pelo palpite.

"O QUE NÃO PODE SER FEITO É EM SEGREDO."
Porque razão não pode ser feito em segredo??
Mais cedo ou mais tarde, tudo se saberá e poderão vir a consultar documentação arquivada em sede da junta. Agora, quererem saber mais que a autarquia para poderem usar tudo e mais alguma coisa como arma de arremesso é que está errado. Tal como sucedeu com o dito terreno para o polo escolar, que o presidente teve a ombridade de dar a conhecer o assunto em assembleia, e na semana seguinte o proprietário já estava com ideias distorcidas em relação à sua venda, isto porque houveram determinadas pessoas que a sua preocupação é que nada se faça pela terra e hã que tentar impedir o negócio, mesmo que isso prejudique a freguesia.
Já agora, a população tem o direito de saber o que foi dito e por quem foi dito as palavras que levaram o proprietário do terreno a recuar.

Qual a diferença entre, se a questão veio do publico ou da assembleia, por acaso não era a mesma côr partidária a querer puxar para trás a freguesia??

Entristece-me, a pouca capacidade dos homens da nossa terra não saberem nem terem a experiência da boa sensação que é a de podermos dar sem nada querer receber.

Lamento

Anónimo disse...

Cada vez acho que já nem argumentos tem, para defender a sua causa, pior acho que já nem acredita nos argumentos que usa.

Meu caro, diga-me onde existe arquivo e documentação desde que esta junta entrou em direcção. Já agora se for possivel gostava que me facultasse as licenças da esplanada, que o presidente disse que tinha, mas ninguem as viu, nem mesmo, a Câmara Municipal,(Palavras de um vareador).

Meu caro, acha que o contrato é tão transparente assim, diga qual a razão do presidente da junta não ter pernunciado sobre a ultima descarga poluente das pedreiras!? estaria doente, com gripe!? Não meu caro, é que no dia a seguir, a essa situação, ele deu MAIS UMA entrevista a uma rádio, sobre o tema Caldas de S. jorge, e só falou da poluição, a pedido do locutor. Sabe qual foi a resposta!?
ESTAMOS A AVERIGUAR...O quê, se foi os Cavacos, ou os cavacos.´Meu caro, agora não existe o Vitor para servir de "palhaço", que pelos vistos serviu muitas vezes, visto que era sempre ele que fazia as asneiras, o que se veio agora a provar que não é bem assim.

Meu caro, a realidade, é que estamos mal servidos,
A verdade, é que a população não é ouvida,
A verdade, é que temos um pequeno ditador, a ditar as regras do jogo,

Anónimo disse...

O Senhor lá sabe das suas mágoas!!

Penso que tem o perfil e determinação suficiente para se poder candidatar à presidência da junta.

E quem entende que pode fazer melhor pela sua terra, não deve sequer de olhar para trás.

Anónimo disse...

Para o Sr. LAMENTO, lamento que não saiba, apesar do que já foi dito, que quem causou o término de conversações com o dono do terreno foi o Sr. Presidente da Junta. Não sei que termos foram usados que ofenderam o Dr. Raul Ferreira da Silva. Mas para orientação posso adiantar que a primeira vez que se encontraram foi no Café Monte Carlo, em Fiães e a segunda vez e que deu a ruptura foi na Sede da Junta.
Antes destes contactos com o Presidente da Junta sempre se manifestou disponível para negociar. De resto houve sempre um bom ponto de contacto e o Presidente da Junta sabe quem é.

José Pinto da Silva

Anónimo disse...

Este post já vai com mais de 50 comentários, o que tenho a dizer, é que o Sr. "Lamento", deve lamentar, a falta de conhecimento do que fala, e ainda deve lamentar, não se ter calado, para não dizer asneiras.

babali

Anónimo disse...

Oh snmr. Lamento a única coisa que o Martins disse em Assembleia foi que o dono do terreno queria dinheiro terreno e tudo.Isto são explicações?

SEGUIR O BLOG POR E-MAIL