quinta-feira, 3 de novembro de 2011

...pra desmoer !

pois é...

O semanário “Correio da Feira” noticiou que, na última reunião da Câmara Municipal, foi declamada poesia para lembrar o Dia da Erradicação da Pobreza. Um bonito momento proporcionado pelo Clube de Poesia da Divisão de Acção Social e Qualidade de Vida da Câmara Municipal, segundo é referido no mesmo jornal. Quisemos associar-nos à iniciativa e por isso aqui vai.

Oração à Santinha

Oh santa Maria da feira
Eu não te conheço altar
Por isso para te rezar
Faço-o desta maneira

sendo eu um Teu devoto
que ando pra’qui a penar
diz-me lá se em quem voto
me sabe ou não governar?

Antes ser pobre, que nabo
Que a mim não embaraça
Mas brincar c’a desgraça
não lembra nem ao Diabo

então para acabar com a fome
e para se erradicar a pobreza
vai-se ao pobre, que mal come
e põe-se-lhe o IVA à mesa ?

diz-me lá Tu com franqueza
que não és de confusões
se no que respeita à pobreza
pode haver contradições ?

De uma coisa tenho a certeza
É que nisto das “erradicações”
Não é preciso muita esperteza
Para se encontrarem soluções

erradicamos a pobreza
só com duas opções
erradicando a riqueza
ou marcando eleições

Até Já

Sem comentários:

SEGUIR O BLOG POR E-MAIL