quinta-feira, 31 de maio de 2012

Indáqua “foge” às responsabilidades…

1.1.1.1.1O Blogue das Caldas sabe que algumas casas e passeios públicos nas Caldas de S. Jorge, foram danificadas com as obras de saneamento básico. Vários peritos da Indáqua foram avaliar os prejuízos, prometendo uma resposta no prazo máximo de 30 dias. Ao que parece já passaram mais de 60 dias e as pessoas ficaram sem resposta. O Blogue sabe, houve tentativas de contactar os responsáveis, mas parece que todas foram infrutíferas.

Tem-se conhecimento de pelo menos um morador deu entrada de uma queixa no tribunal, podendo ainda ser pedida uma providência cautelar para interromper as obras na freguesia das Caldas de S. Jorge até a resolução do caso.

PODE SER COM ESTE CASO AS VERGONHOSAS OBRAS QUE ESTÃO A SER CONSTRUIDAS EM FRENTE À PENSÃO S. JORGE PAREM. Visto que ninguém teve coragem de condenar publicamente o caso. Pior é inadmissível que os Amigos do Uíma não se prenunciem sobre esse verdadeiro atentado ambiental, nomeadamente a construção de umas “fossas” na margem do rio e em local de leito de cheias…

1 comentário:

Anónimo disse...

Para mera informação, posso referir que, em 16 de Dezembro de 2011 enviei um e-mail à ARHN com cópia para a CCDRN a perguntar se, porventura, a Indáqua, a Câmara ou o sub-empreiteiro contratado tinha requerido licença para construir uma grande obra de betão mesmo encostada à linha de água, quando até para se cortar uma árvore até 10 metros da margem era precisa uma autorização prévia. No dia 30 de Janeiro, dado não ter recebido resposta, insisti. Claro que não tive qualquer retorno.

José Pinto da Silva

SEGUIR O BLOG POR E-MAIL