segunda-feira, 31 de maio de 2010

Ainda Joaquim Magalhães de Castro I Parte

Ainda Joaquim Magalhães de Castro
I Parte
Fernão Mendes Pinto do Século XXI

domingo, 30 de maio de 2010

Festa da Palavra Na Vila Termal de Caldas de São Jorge!!!


Festa da Palavra
Na Vila Termal de Caldas de São Jorge
31 Meninos e Meninas do 4º Ano da Catequese Paroquial
desta Vila Termal celebraram empenhados e participativos
a Sua Festa da  Palavra – Bíblia.
Foi uma manhã inesquecível.
Para Recordar.
Parabéns aos meninos e meninos,
Animadores, Pais e Encarregados de Educação.
Ficam para a história estas fotos tiradas
apesar do opositor de quatro rodas teimoso
mas que teve que mudar de sítio
graças à força e Juventude dos Pais e não só!!
Na Véspera foi o Encerramento do Mês de Maria com Procissão de Luzes!

"Espaço Ilha" hoje no EXPRESSO

PATRIMÓNIO no Programa CÂMARA CLARA, RTP 2

Suspira o Património

AMANHÃ, domingo, 30 de Maio, pelas 22:30, o Joaquim Magalhães de Castro estará no programa da RTP 2, CÂMARA CLARA, subordinado ao tema PATRIMÓNIO de ORIGEM PORTUGUESA no MUNDO, na companhia da historiadora Mafalda Soares da Cunha e da apresentadora Paula Moura Pinheiro. Uma conversa interessante. Se tiverem tempo, vejam. Sempre é uma alternativa às telenovelas e aos concursos.

sexta-feira, 28 de maio de 2010

ABERTURA - CALDAS café / bar / esplanada


SÁBADO DIA 29 DE MAIO DE 2010


DJ - SÉRGIO OLIVEIRA


DJ - SAKANITA.


UM NOVO ESPAÇO NA NOITE DAS CALDAS DE S. JORGE...


(PERTO DAS TERMAS - ANTIGA CASA DA ENFERMEIRA CLARA - LUGAR DA SÉ)



Entre os dias 4 e 6 de Junho de 2010, a zona envolvente das Termas enche-se de Doces e Doceiros, artesãos e Licoreiros de todo o país.

Com o objectivo de criar uma montra enraizada nas tradições, especialmente a nível dos gostos e sabores das nossas terras.

Entre nós estarão Doceiros vindos de Évora, Alcobaça, Tentúgal, Nelas, Aveiro, Amarante, Vila Real, Arouca, Sta. Mª da Feira...

Na Animação, destacamos:
Sexta - o Festival de Tunas Académicas (Lisboa, Felgueiras, Porto e Vila Real),
Sábado - o Torneio de Matraquilhos Humanos num insuflável de 14 x 7 metros (envolvendo várias associações locais), o Concerto dos EZ SPECIAL
Domingo - "Caminhada Doce", Palhaços, Pinturas a animação dos "FUN-FARRA" Grupo de musica itinerante (www.myspace.com/funfarra)



Com os melhores cumprimentos,

Paulo Valinho

Aterro Sanitário Intermunicipal Feira/Gaia

A pedido dos Deputados Municipais António Cardoso (Pigeiros), Mota Pinho (Canedo) e Telmo Gomes (Caldas de São Jorge) realizar-se-á pelas 20.30H na próxima quarta feira dia 2, no auditório da Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira uma Assembleia Municipal Extraordinária com o objectivo de debater a eventual localização de um Aterro Sanitário Intermunicipal no nosso Concelho.

Para esta reunião foram convidados representantes da SULDOURO, LIPOR, Câmara Municipal de Gaia e Universidade de Aveiro

A presença de todos é necessária e de extrema importância. Junte-se a nós e diga NÃO ao Aterro Sanitário no nosso Concelho. Não falte…

Telmo André dos Santos Gomes

FESTIVAL DO DOCE 2010

A Juventude Inquieta, tendo como objectivo uma maior divulgação do Festival Doce, tem executado com empenho a colocação de cartazes, autdoors e faixas publicitárias pelo concelho.

Com espanto e grande indignação, verificamos que hoje dia 26 de Maio, a faixa que foi colocada junto à ponte dos Candaídos foi ROUBADA (perto do Koffus-Bar). Tudo isto terá ocorrido

em plena luz do dia, por volta das 20.00h..

Fica aqui manifestado o nosso agastamento e revolta pelo sucedido, pedindo que, caso alguém tenha observado algum movimento neste local, agradecemos o favor de o transmitir aos elementos da

Juventude Inquieta.

Obrigado.

Cinema e cultura cigana…

Cinema e cultura ciganaCinema ao ar livre no acampamento cigano da Baralha, em Sanguedo, em Santa Maria da Feira. Até sábado e no âmbito do festival Imaginarius, o público poderá visionar quase 50 vídeos projetados entre as árvores e nas casas de 19 famílias do clã Monteiro. O realizador Marco Martins e a atriz Beatriz Batarda foram convidados a conceber uma produção em que o teatro, a fotografia e o vídeo ajudassem a melhor compreender a cultura dessa comunidade.

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Festival Internacional de Teatro de Rua de 27 a 29 de Maio…

Festival Internacional de Teatro de Rua de 27 a 29 de Maio

Festival Internacional de Teatro de Rua decorre em Santa Maria da Feira de 27 a 29 de maio sobretudo com companhias portuguesas, o que a câmara diz reflectir soluções "engenhosas" para contrariar a crise.

"Santa Maria da Feira também atravessa um período de contenção", afirmou hoje Cristina Tenreiro na apresentação do festival, "e isso obrigou a que fossemos mais engenhosos e mais criativos, para sermos originais".

Na prática, isso significa que o orçamento para o Imaginarius de 2010 é de 300 mil euros - o que representa 100 mil euros a menos do que no ano passado - e que, da lista das cerca de 50 companhias que irão actuar na cidade da Feira e noutros espaços do concelho, apenas 10 são estrangeiras.

Renzo Barsotti, director artístico do festival, garante que esse reforço da componente nacional "é uma etapa extremamente importante" no percurso de 10 anos que o evento já percorreu.

"A nossa perspectiva a respeito do festival sempre foi pensá-lo como um projeto capaz de criar relações permanentes entre a arte, a comunidade e o território", explica o responsável, para quem "a aposta em artistas portugueses foi uma escolha consciente e o resultado de 10 anos de investimento".

A primeira dessas produções nacionais é o espectáculo "Entrado", que a companhia Pele, em co-produção com o Centro de Criação para o Teatro e Artes de Rua (CCTAR), leva à cena no Estabelecimento Prisional de Custóias.

A peça, interpretada por 30 reclusos dessa instituição, está a ser preparado desde setembro e o seu encenador, Hugo Cruz, descreve como uma análise ao "binómio culpa e perdão".

Outro destaque do evento é a performance "Baralha", que terá lugar no acampamento cigano com o mesmo nome, na freguesia de Sanguedo, e que se define como um "espectáculo/exposição" de cariz documental sobre a vida da família Monteiro, na óptica do realizador Marco Martins e da actriz Beatriz Batarda.

Esse trabalho é uma coprodução do CCTAR e da associação Castiis e, segundo Beatriz Batarda, propõe-se representar "a cultura, as necessidades e as inquietações das pessoas dessa comunidade".

Renzo Barsotti realçou também a proposta da Instável Orquestra, que, depois de dois anos a envolver centenas de crianças e adultos na criação de bandas sonoras para espectáculos de outras companhias, avança em 2010 com um enredo próprio.

Aleksandar "Zar" Caric, o maestro e encenador que coordena o projecto, adianta que esse deverá contar novamente com cerca de 150 participantes de todas as idades e garante: "A generosidade que encontro entre estas pessoas é única e é isto que faz com que seja possível chegar a este tipo de resultados".

Também massiva é a participação em "A feliz Idade", em que a dinamarquesa Anna Stigsgaard recupera memórias de cerca de 60 artistas não profissionais - crianças, jovens e seniores - e as apresenta num espectáculo que combina teatro, música e dança.

O festival Imaginarius é uma iniciativa da Câmara de Santa Maria da Feira e da empresa municipal Feira Viva, com direção artística do Centro de Criação para o Teatro e as Artes de Rua.

A programação detalhada do evento pode consultar-se em www.imaginarius.pt.

VIAGEM AO TECTO DO MUNDO…

sábado, 22 de maio de 2010

«Viagem ao Tecto do Mundo - O Tibete Desconhecido».

HOJE, como convidado, no Jornal 2, da RTP 2, pelas 22 horas, estará Joaquim Castro (QUIM QUIM) para falar do livro, do Tibete, de viagens e algumas outras coisas FEIRA DO LIVRO DE LISBOA...

Dia 20 de Maio Inauguração e Bênção do Emblemático ZIPZIP ILHA REST CAFFE !!!

Dia 20 de Maio Inauguração e Bênção do Emblemático ZIPZIP ILHA REST CAFFE !!!
Uma mais valia da Vila Termal de Caldas de São Jorge.
Com este Equipamento é dado o pontapé de saída do marasmo letárgico por que esta Vila Termal tem passado e que agora dá esta golfada de ar fresco.
Pelas 19.30 horas começam a chegar as personalidades convidadas para este Evento.
Os Donos do Empreendimento, Tony e Sérgio, ufanos recebem as Autoridades e Convidados: Presidência da Câmara de Santa Maria da Feira com toda a Sua Vereação, a Junta de Freguesia da Vila Termal e os seus Corpos e Representantes Partidários, O Pároco local P.António Teixeira Machado, o Empreiteiro da Obra Manuel Leite e Família e tantas personalidades que aqui não são nomeadas para não sobrecarregar os preguiçosos da leitura.
Tudo foi simples, familiar, informal.
Constando do descerramento da lápide comemorativa, discurso do Dono da Obra Tony, do Presidente da Junta José Martins e da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, Alfredo Henriques, culminando com a Bênção das Instalações e visita guiada , finalizando com apetitoso e preparado repasto.
Um sadio e animado Convívio com champanhe e fogo de artifício.
Parabéns a todos!!!

sexta-feira, 14 de maio de 2010

ESTOU PERDIDO…

HPIM3504[1]

Estou perdido no Edf. do Engenho e não sei voltar para casa !!

Será que o meu dono pode-me vir buscar ??

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Depois das compras relaxe com uma massagem!

Até ao dia 31 de Maio, as Termas de S. Jorge estarão presentes no Hipermercado Feira Nova de Santa Maria da Feira, no âmbito da feira dedicada ao tema "Mulher, Desporto e Bem-Estar", com um stand promocional do balneário e oferecendo algumas experiências termais de massagens corporais e faciais (em horários pré-determinados).

Com esta presença, as Termas de S. Jorge pretendem comunicar uma mensagem de promoção de um estilo de vida saudável, divulgando a sua oferta termal na área terapêutica, estética e bem-estar e promovendo os benefícios termais proporcionados pela sua água mineral natural e seus inovadores equipamentos termais.
No stand das Termas de S. Jorge decorrerão algumas actividades paralelas, de acesso livre (mediante inscrição prévia) como: rastreios de saúde, no dia 13 (16h00-18h00) e 29 de Maio (14h30-16h00), realizados pela nutricionista responsável pelo Centro de Nutrição do balneário - Dra. Joana Pinheiro - e uma sessão de conto infantil, do livro "O Gotinhas nas Termas das Caldas de S. Jorge - Histórias do (en)canto das águas", com a presença do Gotinhas (mascote viva), que terá lugar no dia 22, pelas 17h00.
Para esta acção foi preparada uma campanha promocional - oferta de Vale de Desconto (50%, sobre o valor da inscrição termal) - dirigida a todos os clientes do Hipermercado Feira Nova, interessados em realizar um programa termal de 14 dias de tratamentos, válido até ao dia 30 de Junho.
O seu bem-estar é o nosso maior orgulho!

Viagens na nossa Terra…

viagens-na-nossa-Terra

Bom dia

A GALERIA AO QUADRADO convida para estar presente na inauguração da exposição de fotografia Viagens na nossa Terra .

Espero que gostem !

Abraços

Fátima Luz

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Assembleia Municipal de 30.04.2010

A última Assembleia Municipal, realizada a 30 de Abril de 2010, teve como ponto forte a apresentação do relatório de contas da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira.
O dito relatório foi aprovado pela maioria Social-Democrata com os votos contra do Grupo parlamentar do Partido Socialista.
Considerando que as suas contas se têm vindo a degradar significativamente, tendo as despesas, os compromissos assumidos (que passarão para executivos futuros) e os compromissos por pagar somado mais 77% que a receita angariada em 2009, não nos restaria outro sentido de voto que não este. É impossível compactuar com este executivo, e aceitar estes números de consciência tranquila.
Entre muitos outros os motivos para o voto contra foram os seguintes:
1 – O aumento de 6.501.000.00 euros do passivo total:
2 – Execução orçamental extremamente baixa. Somente 51.42%:
3 – Assistimos claramente a um orçamento que não corresponde á realidade da capacidade do Município para angariar receitas e a baixa execução é a prova disso mesmo:
4 – A previsão final do orçamento foi reforçada em 12.072.040.92 euros devido á:
Incorporação do saldo de gerência anterior (72.040.92 euros)
Contratação de um empréstimo a curto prazo para suprir necessidades de tesouraria (4.000.000.00 euros)
Adesão ao programa ”Pagar a tempo e Horas” (8.000.000.00 euros)
5 – A execução dos projectos co-financiados são claramente baixos e ajudam a perceber a baixa execução do QREN a nível nacional. As autarquias estão muito endividadas e não têm como financiar a parte não financiada. Por isso o governo decidir aumentar a comparticipação do QREN nos Centros escolares de 70 % para 80 %:
6 – A venda de bens de investimento é a prova que esta rubrica serve apenas para suprir o desequilíbrio nas despesas, como é evidente pela péssima execução orçamental nas vendas de bens de investimento de apenas 1.20% (A previsão orçamental era de 34.930.193.00 euros e a receita cobrada liquida de apenas 419.575.92 euros):
7 – As transferências do Estado, quer correntes, quer de capital, aumentaram respectivamente 7.37% e 7.70%:
8 - Denota-se que as transferências do Estado nos projectos co-financiados pelo QREN desceram porque as obras encontram-se numa fase inicial ou por iniciar:
9 – Existe uma descida no grau de execução orçamental, passando de 60.9% em 2008 para 51.4% em 2009:
10 – Existem 40.954.924.30 euros de Compromissos por pagar, o que denota um descontrolo na gestão das receitas cobradas pelo município versus despesas reais:
11 – Existe também 13.894.503.28 euros de compromissos assumidos que passarão para exercícios futuros:
12 – O total de dívidas a terceiros, atinge o montante de 115.267.939.30 euros, entre dividas a fornecedores e empréstimos. Poder-se-á dizer que teríamos de estar praticamnet um mandato sem nada fazer, a não ser pagar despesas correntes, para pagar parte e não todos dos compromissos assumidos e não pagos:
13 – A % de realização do PPI é claramente insuficiente e de um nível de execução muito baixo, sendo deste de apenas 26.46% para o ano de 2009 e de apenas 17.74% na sua globalidade:
14 – Existência de inúmeros projectos de anos anteriores ainda por executar:
15 – O Passivo aumentou 10.08% relativamente ao ano de 2008.
Por todos estes motivos e alguns mais aqui não enumerados a bancada do PS votou CONTRA este relatório e contas 2009.
Telmo Gomes
Deputado Municipal

domingo, 9 de maio de 2010

TEATRO…

A Juventude Inquieta, apresenta (hoje) dia 8 de Maio pelas 21h00 no Centro Paroquial a peça de Teatro

"A Vida de um Casal".

Comédia já realizada em três palcos do concelho, no âmbito do Teatro à Roda, será apresentada hoje a

pedido do público.

Fica o convite a toda a população. A entrada é gratuita.

Os melhores cumprimentos,

Juventude Inquieta

DIVERSOS

PARECER TÉCNICO
Relativamente ao ameaço da implantação do aterro sanitário nas proximidades das Termas, foi dito pelo Presidente da Junta, na Assembleia de Freguesia e depois na Ass. Municipal, que a Direcção da Termas produzira um documento técnico bem estruturado onde se mostrava claramente a inconveniência da escolha daquele local. Pareceria muito oportuno que esse documento fosse tornado público na íntegra, na medida em que facultaria elementos para todos nós arranjássemos mais argumentos de contestação.
GUARDA DE SEGURANÇA
Quem desce o Alto do Viso, nas traseiras das casas da Junta de Freguesia, topa com uma guarda de segurança danificada há anos. Aquele equipamento, por certo, evitou que alguém tivesse entrado pelo mato adentro. Como está (há anos) não serve de nada, pelo que parece ter passado tempo que baste para que alguém mande reparar aquilo.
Outro tanto para o pedaço da grade do recreio da Biblioteca Escolar. Aquando do temporal de há meses, uma árvore que caiu danificou um troço da grade. E será para ficar assim? Também já passou tempo que baste. E também a toqueira da árvore deveria ser arrancada. Digo eu.
BAIXAS NOS FUNCIONÁRIOS
Diz a imprensa deste fim de semana que mais de metade das baixas médicas nos funcionários do Estado SÃO FRAUDULENTAS. Para além de outros males e erros, pense-se como é que o sistema não teria que desabar. Razão terá quem diz que metade dos funcionários estão por ali a mais. Será claro que no sector privado acontece algo de parecido ou aproximado. Uma boa percentagem dos de baixa estão só a receber subsídio e, muitas vezes, a trabalhar ao negro. A comer em duas pias. Porque não expõem nos postos médicos e outros locais de estilo as listas de todos os que estão de baixa? Públicos e privados.
PLACAS TOPONÍMICAS
Segundo me foi passado, agora – um tanto tarde, mas … - foi reconhecido que o tamanho das letras das placas indicadoras dos nomes das ruas da freguesia é muito pequeno e que a cor das ditas é baço e se confunde com a cor base das placas. Espera-se que, paulatinamente, venham, as letras, a ser pintadas com tinta, tão firme e duradoira quanto possível e de cor contrastante com a cor base.
EXCEDENTES DE MÃO-DE-OBRA
Sempre temos ouvido que em Portugal, temos à roda de 700.000 funcionários públicos. Agora serão alguns milhares menos. Mesmo assim, diz-se, muito mais do que os necessários para o trabalho desenvolvido. Bom, mas leu-se na imprensa que o Sr. Raul Castro, em Cuba, vai dispensar 1.000.000 de funcionários. Dá-se de barato que ainda fica gente para lá ir fazendo o trabalho público. Também se leu que começou a seguir os ditames do capitalismo. Via privatizar as barbearias e cabeleireiros. Arrenda os espaços aos barbeiros, cobra a renda e tributa com o imposto devido e lá passará a haver empresas privadas. De um só trabalhador. Grande avanço!
José Pinto da Silva

BLOCO DE ESQUERDA…

O deputado Pedro Filipe Soares intervém sobre a proposta do Governo para criação de uma nova taxa de IRS, no valor de 45%, para rendimentos anuais superiores a 150.000 euros. O deputado bloquista refere na sua intervenção que esta é uma medida meramente transitória e uma "tentativa tímida" de demonstrar que os esforços introduzidos pelo PEC são feitos por todos os contribuintes. Pedro filipe Soares afirma que falta uma taxa de IRC para a Banca igual às restantes empresas, falta a introdução de um imposto sobre as grandes fortunas, o levantamento do sigilo bancário, bem como acabar com os paraísos fiscais. Para o deputado do Bloco falta de facto justiça fiscal.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

ZIP ZIP – ABERTURA DIA 13 DE MAIO…

Dia 13 de Maio vai ser inaugurado o Zip Zip, sendo o dia 13 de Maio para a Altas individualidades da freguesia e do concelho e o dia 14 para o público em geral. 

O deputado Pedro Filipe Soares apresenta o Projecto de Lei do Bloco de Esquerda que prevê o encerramento das grandes superfícies comerciais aos domingos e feriados

O deputado Pedro Filipe Soares apresenta o Projecto de Lei do Bloco de Esquerda que prevê o encerramento das grandes superfícies comerciais aos domingos e feriados. O deputado do Bloco afirmou que esta é "uma proposta equilibrada", que promove a diversidade do tecido económico e dos consumidores, a revitalização dos centros urbanos e é um incentivo à manutenção do pequeno e médio comércio.

BE contra aumento de preços da água na região de Aveiro

Na conferência de imprensa que marcou o arranque da nova empresa Águas da Região de Aveiro (AdRA), o seu presidente deixou bem claras as prioridades da empresa: aumento dos preços cobrados pelo abastecimento da água e saneamento.

A primeira garantia dada pela nova empresa é exactamente o aumento do preço, numa espécie de harmonização pelas tarifas mais altas da região, chegando a tarifa a aumentar vários euros por mês. A harmonização das tarifas por parte da AdRA, significa um nivelamento pelos valores tarifários mais elevados, de entre os praticados pelos vários municípios.

O Presidente da AdRA adiantou ainda que dos 400 trabalhadores municipais antes afectos às águas, 220 transitaram para a AdRA, adjectivando este número de confortável. O BE está preocupado com o futuro dos 180 trabalhadores de parece descartar, assim como dos direitos dos 220 que transitaram. O deputado Pedro Filipe Soares questionou o Ministério do Ambiente e o Ministério do Trabalho sobre o futuro destes trabalhadores não contemplados pela AdRA e sobre as condições contratuais dos restantes. O Bloco de Esquerda considera que a não inclusão dos trabalhadores na nova empresa irá resultar no recurso a entidades externas para assegurarem os serviços actualmente executas pelos serviços municipalizados, sendo mais um custo a imputar aos utentes da AdRA

Para o BE, esta conduta da AdRA demonstra claramente que o seu único objectivo é lucrar à custa de um monopólio natural obrigando todos os cidadãos da região a pagar mais por um bem comum essencial à vida e reduzindo os custos com o pessoal, com os óbvios impactos na qualidade do serviço. Para o BE este início não augura uma melhoria da qualidade de vida dos cidadãos, garantido apenas uma carestia da mesma.

Ribau Esteves não perdeu a oportunidade para referir que a actual parceria foi concebida por Isaltino Morais, na altura Ministro do Ambiente. A actual parceria concebida por PS aplicada pelo governo Sócrates, autarquias PS e PSD, deixa claro que, também nesta área, os partidos do centrão não têm projectos alternativos de sociedade. O BE defende que o interesse público deve reger o serviço de abastecimento de água e saneamento, e que deve ser garantido o acesso à água enquanto direito humano, ao mesmo tempo que o recurso é protegido do abuso e da poluição.

O deputado do BE, Pedro Filipe Soares questionou o Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social e o Ministério do Ambiente e do Ordenamento do Território

Contacto: Pedro Filipe Soares: 910 005 4327 /938 602 234

Bloco de Esquerda Distrital de Aveiro

quarta-feira, 5 de maio de 2010

CONVITE



Este convite é direccionado a todo o movimento Associativo Parental para dia 8 de Maio, às 17 horas*, no Auditório da Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira nos juntarmos às Associações de Pais na entrega dos Certificados das acções de formação que foram dinamizadas para os Pais e Encarregados de Educação do Conselho.

Estarão presentes representantes de todas as Escolas.

Na cerimónia de abertura teremos a honra da presença da Academia de Música de Paços de Brandão.

Confirmadas as presenças da Autarquia, Cincork e Direcção Regional Educação do Norte (DREN).

Agradecemos desde já a V/ presença.
Só juntos, podemos afirmar o Associativismo Parental no nosso concelho.

*Recepção, apoio e Secretariado abre ás 16:00h.

Os melhores cumprimentos
a fapfeira
96 816 08 91

“Já foi tempo de chorar. Agora é tocar o burro para a frente”. Olga Cardoso, 25 anos de Rohde, como tantas outras colegas, não verteu lágrimas após a maioria esmagadora dos trabalhadores ter decretado, ao princípio da tarde, o fim da fábrica luso-alemã de calçado que laborou quase 35 anos em Santa Maria da Feira.

Dos 921 trabalhadores presentes na Assembleia de Credores, 866 (86%) rejeitaram o plano de viabilização levado pela administração daquela que era a maior empregadora do sector do calçado em Portugal que terá como desfecho do processo de insolvência o encerramento e liquidação.
Domingos Leite, advogado dos investidores, quadros superiores da Rohde, tentou, em vão, convencer a Assembleia de Credores que esteve reunida no pavilhão da Lavadeira.
A proposta passava pela liquidação da actual sociedade, criação de uma nova empresa que arrancaria “no mínimo” com pelo menos 150 trabalhadores (que seriam também accionistas), número “a aumentar gradualmente”, bem como a utilização gratuíta de um pavilhão e alguma maquinaria das instalações fabris.
“Demos uma possibilidade à empresa de seguir em frente, mas foram cinco meses sem obter garantias. Passaram de uma proposta de 500 para 150 trabalhadores e querem usar a fábrica sem pagar, isso não é aceitável”, referiu Henrique Brás, 52 anos, há 20 na Rohde que o deixou, na companhia da esposa, no fundo de desemprego desde Agosto passado, quando a laboração foi suspensa.
13 milhões de euros é valor dos créditos devidos aos 984 trabalhadores que esperam agora pela alienação do património da empresa, concentrado nas instalações fabris.
Em média, cada um operário terá direito entre 10.000 a 20.000 euros. Mas existem indemnizações mais altas. Os quadros superiores (2%) reclamam 2 milhões de euros. Um trabalhador ainda se fez ouvir durante a Assembleia de Credores pedindo “bom senso” para que fossem limitados a 40.000 euros os valores reclamados, mas não teve eco.
A Câmara de Santa Maria da Feira, através do vereador Celestino Portela, garantiu ontem que “as situações sociais de mais complicadas vão ser acompanhadas”, admitindo que no presente momento “não existem alternativas de emprego” no concelho para tanta mão-de-obra.
Os “contactos” mantidos nos últimos meses com o Governo para encontrar outros investidores também “não surtiram efeito”.
O próprio ministro da Economia, Vieira da Silva, assumiu que neste caso “ não apareceu nenhum projecto credível e viável” para evitar o despedimento em massa.
A Rohde começou a laborar com 50 trabalhadores na Primavera de 1975. Na década dourada de 80 chegou a empregar 3.000 pessoas. Muitas vinham de concelhos vizinhos , em autocarros.
O encerramento da unidade criada em Pinhel, com meio milhar de pessoas, o Verão de 2007, confirmaram as graves dificuldades da casa-mãe, na Alemanha, que originaram, mais tarde, a insolvência da fábrica de Santa Maria da Feira.

terça-feira, 4 de maio de 2010

Marco dos quatro Concelhos!!!


Marco doa Quatro Concelhos:
Santa Maria da Feira, Arouca, Castelo de Paiva e Gondomar.
Uma localidade impar,
Cheia de ar puro, beleza natural e de Maravilha

Hoje às 11.20 !!! Espectáculo!!! É uma festa o desvio-entroncamento para Azevedo...Hão-de vir mais

Conferir:
(Sábado, 3 de Abril de 2010
Um Protesto da População de Azevedo, Pigeiros e não só!!!)
Se confirma
Com mais exemplos!
Hão-de vir mais!
Viva a JAE!
Assampe-lhe!!!

CONVITE…

Caras Amigas, caros Amigos, Convido todos a estarem presentes no lançamento do meu novo livro, «VIAGEM AO TECTO DO MUNDO- O TIBETE DESCONHECIDO», da Editorial Presença, que acontecerá no dia 9 DE MAIO, pelas 16:00, no Espaço EDP, na Feira do Livro de Lisboa. Todos são bem vindos! Um obrigado antecipado pela vossa presença! Joaquim Magalhães de CastroCapa%20do%20livro%20TIBETE[1]

VIAGEM AO TECTO DO MUNDO

O TIBETE PROIBIDO

Joaquim Magalhães de Castro

Colecção Volta ao Mundo

Viagem ao Tecto do Mundo o Tibete Proibido relata-nos a viagem inesquecível que Joaquim Magalhães de Castro fez ao coração do Tibete, o Ngari. Com início na capital, Lhasa, esta intrépida aventura durou cerca de mês e meio e atravessou, em direcção a oeste, quase dois mil quilómetros dalgumas das paisagens mais inóspitas, magníficas e sagradas do planeta, de onde podemos destacar a cidade perdida de Tsaparang ou o monte Kailash e o lago Manasorovar, locais de peregrinação budista a nível mundial visitados no início do século XVII pelos jesuítas António de Andrade, Francisco de Azevedo, João Cabral, Estêvão Cacela, entre outros, pioneiros europeus nos Himalaias. De mochila às costas, viajante clandestino em algumas das regiões por onde passou e muitas vezes transportado nas caixas de camiões, o autor conheceu o Tibete mais recôndito e autêntico, o seu povo, a sua cultura, a grandiosidade dos seus palácios, templos e mosteiros, e a sua profunda religiosidade.

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Casa do Benfica de Caldas de S. Jorge Vandalizada…

A Casa do Benfica de Caldas de S. Jorge, foi vandalizada. Da mesma forma que outras congéneres foram atacadas, a das Caldas não fugiu à regra.

Deve-se dizer que foi um acto covarde e intolerante, tem do sido arremessados várias pedras com o intuito de partir as montras, bem com tinta azul para as paredes e montras.

Houve Assembleia

 

ALGUMA COISA VAI MUDANDO
Aconteceu a reunião da Assembleia de Freguesia de Abril. Ordinária e determinada por lei para ser apresentado o RELATÓRIO DAS ACTIVIDADES DA JUNTA DE FREGUESIA e a Prestação das Contas da Gerência do ano anterior. O Relatório não foi pura e simplesmente apresentado, tendo sido formalmente requerido ao Presidente da Mesa. As Contas começaram com um documento pleno de erros de soma, erros que, naturalmen-
te, se reflectem nas contas apresentadas. Terá havido uma proposta no sentido de que tudo fosse rectificado e a discussão fosse adiada para a reunião ordinária de Junho e, para se não perder tanto tempo, a reunião poderia ter sido agendada para logo nos primeiros dia de Junho. Assim não foi querido. Foi votado o ponto e aprovado com os votos do “poder”. Mas algo mudou porque, agora, parece haver menos relutância em ir simulando respostas a questões colocadas pelos membros da Assembleia.
Questionado sobre o que falta pagar dos sanitários da Sé, terá dito que faltava pagar ao empreiteiro o importe de € 2 000,00, mas garantiram-se (não o empreiteiro, mas alguém próximo) que só recebera € 2.000,00. Parece que, em anexo à prestação de contas deveria vir uma folha com as dívidas por pagar. Rubrica DÉBITOS A FORNECEDORES, com discriminação de quanto a quem.
Quanto ao Calvário e questionado acerca do andamento do processo com vista ao eventual acordo para acabamento da obra, terá referido que está em curso uma intermediação de pessoas bem relacionada com ambas as partes e que as perspectivas de acordo são grandes. Mas há quem se interrogue porquê a iniciativa de reatar intermediação em tempos cortada. Diz-se, e falta confirmar, o que talvez não seja impossível, que está marcada ou a ser marcada uma audiência em tribunal e que o Presidente da Junta estará a ver as coisas mal paradas para o seu lado e da sua transgressão das boas normas. Que condições para o tal previsível acordo? Algo há-de sair.
Foi pena não lhe ter sido perguntado se houve alguma evolução quanto à Rua da Carreira. Foi retomado o contacto com o dono do terreno? Porquê se não tiram do meio da rua aqueles tubos indicadores do óculo da mina? Logo que me seja cedido, farei uma análise às contas, aos erros e a algumas verbas já objecto de perguntas.

In http://inconfidencias-psilva.blogspot.com/

SEGUIR O BLOG POR E-MAIL